• Início
  • Blog
  • A importância da morfologia espermática – Kruger OMS 2010

A importância da morfologia espermática – Kruger OMS 2010

 Os espermatozoides são divididos em cabeça, peça intermediária e cauda e os critérios de normalidade utilizados são: cabeça com formato oval e superfície regular, peça intermediária e cauda sem alterações, definidos em 2010 pela Organização Mundial da Saúde.

Utilizamos método de análise criterioso chamado morfologia de Kruger, onde é possível classificar os espermatozoides em normal e anormal, além de identificar a localização dessas alterações, que podem ser: defeito de peça intermediária, cauda enrolada, alterações no tamanho e formato da cabeça, presença de vacúolos, etc.

Na literatura, diversos trabalhos apontam que existe uma relação significante entre a morfologia dos espermatozoides com infertilidade masculina. Embora homens com morfologia alterada possam ser pais, o kruger alterado deve sempre motivar o inicio de uma investigação clinica aprofundada. Vejam algumas das alterações encontradas em nossos exames de rotina:


Artigos mais lidos

Locais de atuação

Dr. Conrado Alvarenga


Membro da Divisão de Urologia do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP

Localização


Rua Oscar Freire, 2250
Unidades T8/T9/T10
Oscar Freire Office São Paulo

Fale conosco


(+55 11) 3081-6851
conradoalvarenga@alumni.usp.br